jusbrasil.com.br
17 de Agosto de 2017
    Adicione tópicos

    Seccional comemora 10 anos da Lei Maria da Penha com ação social na Rodoviária

    OAB - Seccional Distrito Federal
    ano passado

    Brasília, 23/08/2016 – A seccional da OAB do Distrito Federal realiza, nesta quinta-feira (25), de 8h às 17h, ação social na Rodoviária do Plano Piloto em comemoração aos 10 anos de vigência da Lei Maria da Penha. O projeto é uma iniciativa da Comissão Especial de Combate a Violência Doméstica e Familiar em parceria com a Comissão de Ciências Criminais. Estarão presentes 21 advogados voluntários para prestar assessoria jurídica à população.

    O projeto foi criado a partir da constatação, por meio dos mutirões de audiência familiar, que apesar da vasta divulgação da mídia a respeito do direito das mulheres, muitas delas ainda não sabem a quem recorrer. Segundo Alexandra Moreschi, membro da Comissão de Combate a Violência Doméstica e Familiar e da Comissão da Mulher Advogada, por falta de informações inúmeras mulheres se mantêm na situação de abuso e violência e não sabem como obter suporte e dar voz aos seus direitos. O público alvo é a população feminina de forma geral.

    Também serão oferecidos serviços como atendimento psicológico, distribuição de camisinhas, aferição de pressão arterial e glicose. O caminhão da beleza estará presente para oferecer corte de cabelo, maquiagem, escova para as mulheres e o ônibus da Delegacia de Atendimento a Mulher (DEAM), que funciona como delegacia móvel, também estará lá para auxiliar no que for preciso.

    Cartilhas sobre a lei Maria da Penha serão distribuídas e para que haja maior conscientização sobre a lei, seus desdobramentos e os direitos da mulher, serão realizadas rodas de conversas entre as participantes e os realizadores do evento. Além disso, aqueles que desejam doar roupas de frio, cobertores e brinquedos, poderão levar sua oferta, pois estarão sendo recolhidas doações para instituições de caridade.

    São apoiadores do projeto a Secretaria da Mulher, Igualdade Racial e Direitos Humanos, a Caesb, a Teia Solidária, a Beleza em Movimento Haskell, a Paz Justa Causa e o Centro Judiciário da Mulher.


    Comunicação Social – Jornalismo
    OAB/DF

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)